Kaya Scodelario Brasil » Arquivo » Entrevista ao DailyMail
06.fevereiro.2017
Postado por Larissa


Em entrevista ao site DailMail, Kaya falou sobre seus programas culturais prediletos, assim como seus favoritos no mundo do entretenimento. Confira a entrevista abaixo:

Eu amo peças de teatro

Uma das melhores coisas que eu vi no teatro foi ‘A Season In The Congo’ no Young Vic com uma performance surpreendente de Chiwetel Ejiofor como primeiro-ministro Patrice Lumumba. Ele maravilhosamente trouxe à vida a história da independência congolesa através dos olhos de seu primeiro líder.
Eu também gostei de outra peça histórica, ‘The Love Girl and The Innocent‘ de Alexander Solzhenitsyn, que analisa a brutalidade dos gulags de Stalin – minha co-estrela em ‘Skins‘, Kat Prescott, interpretou uma mulher lutando para sobreviver em um dos campos.

A arte no meu coração

A exposição de fotografia mais emocionante que eu vi foi What Makes Us Care na galeria de criptas de St Martin-in-the-Fields, que aumentou a conscientização sobre a falta de moradia. Eu sou profundamente ciente destes problemas, como quando eu tinha apenas um ano de idade minha mãe me trouxe para a Grã-Bretanha do Brasil – e se ela não tivesse o apoio de algumas instituições de caridade, certamente teríamos acabado nas ruas.

Palavras que maravilham

Apesar de ter dislexia eu sempre fui inspirada por livros e gostava de ler. Crescendo eu devorava cada livro de Jacqueline Wilson, embora às vezes eu os achasse difíceis. Minha admiração por ela decorre do tempo que ela veio a minha escola para dar uma palestra.
Eu também sou uma grande fã da escritora de suspense Martina Cole. Seu romance ‘Two Women’ abrange várias gerações, famílias e personagens lutando para sobreviver em um mundo brutal que ela entende implicitamente.

Meus favoritos da TV

Eu assisti duas de minhas amigas, Emilia Clarke e Hannah Murray, prosperar em ‘Game Of Thrones‘, o que ajudou na minha obsessão pela série. Eu adoraria ter feito parte dela, mas toda aquela nudez me colocou fora.
Acho que posso culpar a minha mãe pelo meu interesse em ‘EastEnders’ (novela britânica). Como a maioria de seus compatriotas, ela é obcecada por novelas e assiste os programas nativos sempre que pode. Eu sou muito mais interessada em personagens heterogêneos de Albert Squar, e e eu fico mais starstruck quando vejo alguém de uma novela da BBC do que quando conheço um ator de Hollywood.

Música para meus ouvidos

Eu sou uma alma velha quando se trata de música – duas das minhas bandas favoritas são Fleetwood Mac e os Rolling Stones. Quando eu preciso de algo mais moderno, posso me voltar para o Plan B. Fui apresentada a seu álbum Who Needs Actions When You Got Words pelo do Jack O’Connell, que também era amigo do Plano B [Ben Drew]. Nós nos conhecemos e nos damos tão bem que ele me convidou para participar de algum de seus vídeo clips .

Não toque naquele botão

Eu fui criada ouvindo o programa matinal do Chris Moyles na rádio1 – sua personalidade expressiva me atraia para seu programa todas as manhãs. Eu  também adoro ouvir antigas faixas de dança na Kiss FM – tanto que eu instalei seu app para poder ouvir a estação onde quer que eu esteja no mundo.

Meus filmes mágicos

Se eu disser que tenho tudo o que Arnold Schwarzenegger já fez em DVD – e até mesmo nomeei meu cachorro Arnie em homenagem a ele – você vai perceber o quanto eu gosto de seus filmes. Eu sei tudo sobre seus filmes de ação, mas são as comédias, como ‘Um Tira no Jardim de Infância‘ e ‘Junior‘ que são os meus favoritos.

Deixe um comentário
Voltar ao início